Select Your Style

Choose your layout

Color scheme

Blog
 
 

BLOG

Livros literários para trabalhar Matemática com as crianças em sala de aula

01/03/2021

Conceitos matemáticos cabem num livro, numa poesia, numa conversa descontraída sobre uma narrativa? Claro que sim! Você pode se surpreender, mas garantimos que os livros literários podem ser usados para trabalhar Matemática com a classe.

Livros literários trabalhar MatematicaUma girafa incomoda muita gente? E três? Incomodam muito mais? Agora imagine se forem 1o! Imagem: Girafas, de Jean-Claude Alplhen

Não só é possível como pode ser muito bacana partir desse tipo de livro para inspirar a pesquisa, investigação e curiosidade sobre conceitos e modos de pensar esta que é hoje considerada também uma linguagem

Livros, Matemática e BNCC

De acordo com a Base Nacional Comum Curricular, a BNCC, por exemplo, matemática é muito mais que os números e as contas. Está ligada a conceitos, resolução de problemas, um certo tipo de raciocínio e mesmo à capacidade crítica e de abstração, sem um uso prático definido.

Para o professor Rodrigo Blanco, na Base, “matemática é número, jogo e linguagem”. Em um artigo publicado na Nova Escola sobre este tema, ele comenta que:

A matemática, pelo viés da BNCC, não é só um manancial de números, operações e formas geométricas: é, também, um jogo, uma linguagem, uma forma de ver e modelar realidades, uma estrutura de pensamento, um exercício criativo e um campo de desenvolvimento de múltiplas habilidades. Pode ser que nem sempre as aplicações sejam práticas, mas certamente essa nova visão torna seus conteúdos muito mais interessantes.

Para Blanco, “o conhecimento matemático é essencial não só por sua aplicabilidade, mas também por sua potencialidade na formação de um cidadão crítico, autônomo e ativo na sociedade”.

Na Educação Infantil

Interessante notar que na Educação Infantil, os conceitos matemáticos aparecem em diversos Campos de Experiência, pois podem estar associados a habilidades diversas, como medir, comparar, contar, relacionar-se com o espaço, na expressão artística, na compreensão e aplicação das regras de um jogo…

O que tem uma relação mais evidente com conceitos matemáticos é Espaços, tempos, quantidades, relações e transformações. Mas quando falamos de Corpo, gesto e movimento ou de Escuta, fala, pensamento e imaginação também podermos estar lidando com habilidades e capacidades matemáticas.

Como tem sido sua experiência?

No Ensino Fundamental

Já nesta etapa, embora o foco seja em habilidades como cálculos, operações, geometria, as relações e a competência de tentar, imaginar, investigar e resolver problemas são uma premissa.

Diz Blanco, no mesmo artigo já citado:

Nota-se, com isso, que saber usar a fórmula de Bhaskara não é tão significativo quanto perceber que, ao longo da história, os matemáticos encontraram uma sequência repetida de passos que podia resolver uma quantidade muito grande de problemas e ainda ser representada simbolicamente por uma única expressão algébrica.

9 livros literários para trabalhar Matemática em sala

Pensando em tudo isso, selecionamos obras variadas, diversas em gênero, em formato, em proposta. Elas não falam apenas sobre números; trazem também jogos, desafios, possibilidades de exploração do espaço, de comparação, de uso da imaginação para resolver problemas.

São divertidas, instigantes e provocativas, um convite 😉 E tem para todas as idades. Confirma a seguir essa seleção:

1) Girafas

Autor e ilustrador: Jean-Claude
Temas: Números / Relacionamento familiar / Cores / Humor / Animais / Brincadeiras / Diversão / Matemática / Imaginação
Faixa Etária: A partir de 2 anos (leitura compartilhada) ou 6 anos (leitura independente)

O que mais diverte as crianças quando seus pais brincam com elas? Neste livro, um filho vive pedindo desenhos. O pai, brincalhão, coloca em um papel compriiiido suas melhores versões de girafas.

>>Por que ler:
Com seus pescoços looongos, os bichos tomam conta das páginas e vão se multiplicando, mostrando que nessa brincadeira de desenhar também há um tanto de matemática.

Fizemos uma resenha especial sobre este livro, que você pode ler aqui. Vale a pena saber também que este livro foi escolhido, em 2020, como um dos 30 Melhores Livros do Ano, pela revista Crescer.

“Girafas”, de Jean-Claude, está nos 30 Melhores Livros do Ano da Crescer 2020

 

///

Livros literários trabalhar matemática2) A ilha do mistério

Autor: Paul Adshead
Ilustrador: Paul Adshead
Tradutora: Gilda de Aquino
Temas: Adivinhação / Aventura / Meio ambiente / Cartas e bilhetes / Animais
Faixa Etária: A partir de 7 anos

Este livro é instigante. Nele o leitor é introduzido na Ilha do Mistério, por meio de um mapa, juntamente com algumas dicas — entre elas, encontrar um diário na casa da árvore. Nele estão as respostas para um enigma: o autor do diário encontrou na ilha um casal de uma espécie em extinção e resolveu devolvê-lo ao seu habitat, no intuito de criar uma colônia de procriação. Como não pôde carregar a fêmea, solicita a ajuda do leitor para que a resgate e a leve para junto do macho.

>>Por que ler:

Jogo, regras, mapas, enigmas para decifrar: raciocínio matemático de um jeito divertido e ativo.

///

3) O caso do grande roubo do museu

Autor: Milton Célio de Oliveira Filho
Ilustrador: Alexandre Rampazo
Temas: Animais / Artes Plásticas / Adivinhas
Faixa Etária: A partir de 2 anos (leitura compartilhada) ou 6 anos (leitura independente)

O urubu, que é diretor do Museu da Mata, está aflito: o quadro mais valioso do acervo sumiu! Ele chama então Dona Aranha, especialista em tramas, para decifrar o mistério. Assim começa este novo livro de Milton Célio de Oliveira Filho, que conta com as ilustrações do premiado Alexandre Rampazo.

>>Por que ler:
Como em outros “casos” do autor, neste o leitor também é convidado a desvendar o sumiço: cada bicho interrogado pela Dona Aranha deixa uma pista de qual será o próximo animal suspeito.

Milton Célio de Oliveira Filho falou sobre o livro e deu muitas dicas de como explorar em sala.

///

5) Matemática até na sopa

Autor: Juan Sabia
Ilustrador: Pablo Picyk
Tradução: Mell Brites
Editora: Companhia das Letrinhas
Indicado para crianças a partir de 7 anos

No segundo livro da coleção Sopa de Ciências, que mistura narrativa fictícia com informação, o leitor vai passear com Marcos e seu tio-avô e aprender sobre matemática e a importância dos números no dia a dia.

>>Por que ler:
O que é um ano-luz? Por que os ovos são vendidos em dúzias? O que o círculo tem de tão especial? Essas e outras informações e conceitos vão surgindo naturalmente numa deliciosa conversa entre Juan e Marcos, filho de sua sobrinha que veio passar o dia com ele. Das 14h até às 21h30, os dois investigam uma série de curiosidades. Afinal, Matemática está em tudo — até na sopa.

///

6) Todas as pessoas contam

Autora: Kristin Roskifte
Tradução: Kristin Lie Garrubo
Editora: Companhia das Letrinhas
Indicado para crianças a partir de 7 anos

Uma pessoa deitada, olhando para as estrelas, duas pessoas conversando em uma floresta, três pessoas em um pódio, quatro pessoas tocando em uma banda… Neste livro, a cada página virada o leitor vai conhecer mais e mais pessoas: 100, 1000… até 7,5 bilhões!

>>Por que ler:
Esta não é uma história apenas sobre números. É também sobre todas essas pessoas, e sobre as suas diferenças e semelhanças. Um convite à brincadeira e à construção ativa da narrativa; um convite ao olhar atento e ao frio na barriga das descobertas 😉

///

7) Três

Autor / Ilustrador: Stephen Michael King
Temas: Respeito às diferenças / Autoconhecimento / Amizade / Animais / Cidade / Campo / Cotidiano
Faixa Etária: A partir de 3 anos (leitura compartilhada) / 7 anos (leitura independente)

A brincadeira com os números, aqui, começa já pelo nome do nosso personagem, um simpático cachorrinho que tem três patas. O narrador vai nos levando junto com Três, em suas andanças pela cidade, e identificando os demais animais que ele vê também pelo quantidade de “pés”. A aranha, assim, vira a simpática senhora Oito patas, enquanto a filhote de humanos que ele encontra ao se afastar para o campo é uma… três patas também?

>>Por que ler:
Ué, como assim? Só lendo para descobrir. Para a Matemática, é interessante também explorar com as crianças a forma como o autor desenha os espaços, vistos de cima, como mapas — tem também um pequeno mapa em uma das ilustrações, que pode render boas conversas sobre a espacialidade.

///

8) O clube dos caçadores de código

Autora: Penny Warner
Tradutora: Regina Dell’Aringa
Temas: Aventura / Investigação / Amizade / Cooperação
Faixa Etária: A partir de 9 anos

Cody, Quinn, Luke e M.E. são bem diferentes entre si, porém todos têm algo em comum: adoram criar e decifrar códigos. Na verdade, eles amam tanto códigos que têm seu próprio clube secreto com um esconderijo e senhas que mudam a cada dia. Quando Cody e Quinn percebem o que pode ser um código na janela de uma casa vizinha, que pertence ao sujeito que eles chamam de Homem Esqueleto, o clube entra em ação. E trata-se de um pedido de socorro!

>>Por que ler:
Com a participação ativa do leitor, essa obra cheia de mistérios propõe o tempo todo que se decifre pistas e códigos para que o a narrativa avance. Jogo e raciocínio matemática em doses animadas e divertidas de emoção.

///

9) O mistério do colecionador

Autor: Milton Célio de Oliveira Filho
Temas: Aventura / Mistério / Adivinhas / Enigmas / Meio Ambiente / Crime Ambiental / Animais / Amizade / Cooperação
Faixa Etária: A partir de 8 anos

Um grupo de amigos que adora desvendar enigmas acaba envolvido em um verdadeiro caso policial. Cíntia, Julinha e Heitor estavam prontos para se divertir desbravando a Mata Atlântica na excursão de sua escola ao Sítio Rio Azul. Tudo parece ir muito bem até eles descobrirem que um traficante de animais silvestres tem outros planos para a excursão.

>>Por que ler:
Nessa aventura surpreendente, o leitor não vai parar um segundo. Se quebrar os códigos criados pelo professor Pedro, espalhados pela trilha no meio da mata, já é um grande desafio, imagine ter de enfrentar um misterioso e cruel colecionador de animais e seus perigosos comparsas.

///

E você? Que livros já levou para a sala de aula na Matemática?


Sem comentários no momento

Grupo Brinque-Book
Rua Mourato Coelho, 1215 - Vila Madalena
São Paulo - CEP 05417-012 - SP